Pular para o conteúdo principal

Dicas sobre meninos e meninas

Meninos brincam com bonecos. Meninas brincam com bonecas. Meninos brincam com bonecas. Meninas brincam com bonecos. Resumindo: meninas e meninos brincam com bonecas e bonecos, o que achar mais divertido.

Meninas e meninos que gostam de brincar de carrinho, brincam de carrinho.

Meninos e meninas podem brincar com bichos de pelúcia, desde que não tenham alergia. Aaaaatchim!

Meninas gostam de azul, rosa, verde, laranja, roxo, preto, violeta, bege, branco... todas as cores. Já os meninos gostam de rosa, azul, roxo, verde, marrom, lilás, preto, cinza, amarelo... todas as cores também. Mas cada um tem sua cor favorita e não há regra para isso.

O skate pode ser brinquedo e meio de transporte para meninas e meninos, assim como a bicicleta e o patinete. Cada um se equilibra como pode.

Todas as crianças podem usar roupas com florzinhas e corações, apesar de combinarem mais com as crianças que gostam de usar roupas com florzinhas e corações.

Meninos e meninas têm que perder o medo de barata e aprender a se livrar delas porque são animais perigosos: moram no esgoto e trazem várias doenças para dentro de casa.

Ballet é um estilo de dança praticado por meninos e meninas que gostam de ballet. Mas nem todo mundo gosta porque dói o pé. Na verdade, dói o corpo inteiro.

Meninas e meninos que aprendem a lutar uma arte marcial ganham disciplina e crescem sabendo se defender. Você prefere capoeira, kung-fu, jiu-jitsu, judô, krav-magá, muay thai ou karatê?

Futebol é esporte de menino e menina, assim como vôlei, basquete, tênis e handebol. Mas é preciso gostar. Nem todo mundo leva jeito para jogar bola.

Meninas e meninos precisam aprender a fazer alguns consertos porque fica muito caro pagar conserto de tudo. Toda hora estraga alguma coisa, é impressionante.

E por falar em conserto, na adolescência meninos e meninas precisam aprender a usar a agulha para colocar os botões nas camisas porque eles vivem se soltando. Parece que não gostam de ficar muito tempo presos.

Menino pode ter cabelo grande e menina pode ter cabelo curto. Quando se trata de cabelo, nunca dá para agradar todo mundo, então o importante é se sentir confortável.

Tem vez que os meninos brincam separados das meninas ou são as meninas que brincam separadas dos meninos, mas tem menino que prefere brincar com as meninas e tem menina que prefere brincar com os meninos. Isso é muito pessoal, cada um é de um jeito mesmo.

Uma vez ouvi que “quem brinca de Barbie é menina”, mas eu sou menina e meu irmão vivia brincando com as minhas Barbies. Ele rabiscava a cara delas e cortava os cabelos, do mesmo jeito que eu gostava de fazer, então eu acho que quem brinca de Barbie é quem gosta de brincar de Barbie, sendo menino ou menina.

Por isso eu acho que muitas vezes a gente fala “meninos isso” e “meninas aquilo”, sendo que o que a gente tá falando serve tanto para todos: meninos e meninas. A gente erra muito isso, pode reparar.

E quando a gente fica adulto, continua errando tudo: “mulher assim”, “homem assado”. Na maioria das vezes, se a gente trocar homens ou mulheres por “pessoas”, a frase fica mais certa ainda. A gente sabe que tá errado, mas continua errando. Ainda não descobri o porquê.

Foto: Pixabay

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O semestre que passou

Atualmente trabalho fazendo o que gosto. Muitos chamam de privilégio. Eu não chamo porque sei que ainda estou aquém do que mereço. Mas, de pouquinho em pouquinho, vou conquistando o que é meu.

Uma amiga que me inspira

Hoje no ônibus encontrei uma amiga de 48 anos, engenheira ambiental recém-formada e cheia de planos para as especializações.

8 verdades brutais que você precisa saber

Você vai se arrepender de passar tanto tempo nas redes sociais. O problema não é a merda que acontece, mas como você reage a ela. A coisa mais arriscada que você pode fazer é evitar os riscos. Você deveria sempre ter dinheiro o suficiente para o que importa. Algumas pessoas vão te odiar, não importa o que você faça. Culpar outra pessoa só te deixa mais fraco(a). As pessoas não pensam em você tanto quanto você acha que elas pensam. Não é o relacionamento perfeito que vai completar você. Texto completo em inglês: www.collective-evolution.com/…Foto: Pixabay